Arquivo da categoria: Icarus

35 – Poemise

 
 
Respire fundo.
Feche os olhos.
É o começo.
 
Encare a folha, a tela
Em branco
Garatuje palavras
Tecle letras.
 
E vá rimando
Ritmando
Sentindo os versos
 
Podem parecer inexatos
Desconexos
Uma psicografia estranha.
Insista com suas entranhas.
 
Termine.
Verseje.
Poemise.
 
Para Universos Poetas

s.p.14/03/2012 – quarta

Anúncios

2 Comentários

Arquivado em Icarus

33 – Namoro real

Eu quero:
Mão na mão.
Beijo molhado.
Olhares e sorrisos trocados.
Tua cabeça em meu colo;
Meus dedos passeando em teus cabelos.
Cafuné.
Você meu homem.
Eu tua mulher.

s.p.06/04/2008 – domingo

1 comentário

Arquivado em Icarus

32 – O Verde

Verde do Poema
Verde da Trilha
Verde das Águas
Verde da Cantareira
Verde dos Olhos
Verde do dólar
Verde da inveja
Verde do ciúme
Verde do domínio
Verde dos lençóis verdes,
dos travesseiros verdes
no sonho rosa…

s.p.14/02/2008 – quinta

1 comentário

Arquivado em Icarus

30 – Eu vou…

Eu vou
Ter uma Idéia
E ela vai Inspirar-me
A ter novos Referenciais

Vou copiar
Palavras e Imagens
E plagiar
Sentimentos.
Como me sentirei
Sendo autor, autora
Do Coração, do Olhar
De outro Alguém?

s.p.17/07/2009 – sexta

1 comentário

Arquivado em Icarus

29 – Beijo-Te


“Beijo-te.

Quando distante, em sonho. Em pensamento. Em imaginação.

Beijo-te.

Quando perto, lábios macios, língua exploradora, boca exigente.

Beijo-te.

Com Amor, com Paixão, com Desejo.

Sempre presente.

Beijos.”

s.p.13/04/2010 – terça

1 comentário

Arquivado em Icarus

28 – Amor

O Amor fala.
Mesmo no silêncio.
Ele é a voz que cala e consente.
O Amor brilha.
Mesmo no escuro.
Ele é a chama da Esperança crescente.

O Amor chora.
Ele é a lágrima que leva a tristeza embora.

O Amor acalma.
Ele é a essência da Alma.

O Amor faz o mundo girar.

Eu sempre Vou Acreditar
Para…
s.p.16/09/2010 – quinta

1 comentário

Arquivado em eGo, Icarus

26 – Magia

                     

Magia da Grafia
Magia da Palavra.
Alegria registrada.
Emoção indefinida.
Amor infinito.

1 comentário

Arquivado em eGo, Icarus